Pesquisa em Educação e o futuro que nos convém

Autores

DOI:

https://doi.org/10.51399/reunina.v3i2.146

Palavras-chave:

Pesquisa em Educação, Epistemologia da Educação, Pós-graduação em Educação.

Resumo

O presente texto busca ser uma reflexão que possa nos levar a compreender a necessidade de um auto-esclarecimento das nossas posturas epistemológicas em relação à Pesquisa em Educação. Buscando identificar, através de uma análise da linguagem que usamos na cotidianidade dos nossos Cursos de Pós-graduação, as bases cognitivas que nos sustém e que, em geral, impedem o avanço das nossas pesquisas. Propondo, então, que revisemos nossos pressupostos epistemológicos tendo em vista o grau de consciência epistemológica que já é possível auferir, principalmente se levarmos em conta a reviravolta linguístico pragmática da filosofia contemporânea.

Biografia do Autor

Fausto dos Santos Amaral Filho, Universidade Tuiuti do Paraná

Possui graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1996), mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1999) e doutorado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2005). Atualmente é professor-pesquisador do PPGED da Universidade Tuiuti do Paraná, Linha de Pesquisa Políticas Públicas e Gestão da Educação. Sendo, também, o coordenador do referido Programa. Atuando principalmente nos seguintes temas: Hermenêutica e Educação; crítica da Modernidade e Educação; Epistemologia da Educação. Líder do Grupo de Pesquisa Epistemologia e Educação (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/1323778738072846). Membro da Comissão Institucional de Pesquisa e Iniciação Científica da Universidade Tuiuti do Paraná. Membro da Comissão Institucional de Editoração Científica da Universidade Tuiuti do Paraná. Coordenador da Linha de Pesquisa Políticas Públicas e Gestão da Educação do PPGED da Universidade Tuiuti do Paraná. Membro do Grupo de Pesquisa Rede SUR PAIDEIA. Membro do Fórum do Campo Lacaniano - Curitiba.

Referências

ALTHUSSER, Louis. Aparelhos Ideológicos de Estado: nota sobre os Aparelhos Ideológicos de Estado. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1985.

AMARAL FILHO, Fausto dos Santos. Prospecções Educacionais. Caxias do Sul: EDUCS, 2021.

ARENDT, Hannah. Não mais e ainda não. In: ARENDT, Hannah. Compreender: formação, exílio e totalitarismo. São Paulo: Companhia das Letras; Belo Horizonte: Editora UFMG, 2008.

ARENDT, Hannah. A crise na Educação. In: ARENDT, Hannah. Entre o Passado e o Futuro. São Paulo: Perspectiva, 2013.

DILTHEY, Wilhelm. A construção do mundo histórico nas ciências humanas. São Paulo: Editora UNESP, 2010.

FEYERABEND, Paul. Ciência, um monstro: Lições trentinas. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2017.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: Editora UNESP, 2000.

FREYER, Hans. Teoria da época atual. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1965.

HESSEN, Johannes. Teoria do Conhecimento. Coimbra: Arménio Amado, 1968.

JAPIASSU, Hilton. A pedagogia da incerteza e outros estudos. Rio de Janeiro: Imago, 1983.

KANT, Immanuel. Crítica da Razão Pura. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1994.

MARX, Karl. Contribuição à Crítica da Economia Política. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

MONTAIGNE, Michael de. Ensaios. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

MORAES, Maria Cândida. O Paradigma Educacional Emergente. Campinas: Papirus, 1997.

OLIVEIRA, Manfredo Araújo de. Reviravolta lingüístico-pragmática na filosofia contemporânea. São Paulo: Edições Loyola, 1996.

PESSOA, Fernando. Tabacaria. In: PESSOA, Fernado. Poesias. Porto Alegre: L&PM, 1999.

PINTO, Álvaro Vieira. Ciência e Existência. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

POPPER, Karl. A miséria do historicismo. São Paulo: Cultrix; Editora da Universidade de São Paulo, 1980.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Um discurso sobre as ciências. São Paulo: Cortez Editora, 2010.

STEIN, Ernildo. Epistemologia e crítica da modernidade. Ijuí: Ed. UNIJUÍ, 2001.

STEIN, Ernildo. A Caminho do paradigma hermenêutico: ensaios e conferências. Ijuí: Ed. UNIJUÍ, 2017.

Downloads

Publicado

2022-09-26

Como Citar

Amaral Filho, F. dos S. (2022). Pesquisa em Educação e o futuro que nos convém. Revista De Educação Da Unina, 3(2). https://doi.org/10.51399/reunina.v3i2.146

Edição

Seção

Artigo